Tel: +55 71 3266-0412| E-Mail: sinloba@sinloba.org.br



febralottt.jpg

REUNIAO FEBRALOT

Febralot vai atuar judicialmente para rever contrato da Rede A Federação FEBRALOT vai rever judicialmente o contrato de permissão estabelecido com a Caixa Econômica Federal e a Rede Lotérica, esta foi a decisão adotada pela representante dos Lotéricos em âmbito nacional, após os quase 20 meses de negociação com a permitente, para obter os reajustes das tarifas, dos serviços prestados, e a negativa do Banco. Essa ação judicial de âmbito nacional terá como mote os seguintes itens: permitir que o empresário lotérico defina o horário de atendimento de serviços bancários em sua loja, possibilitando uma adequação aos custos de cada loja, e realizando apenas apostas, no horário excedente. Tambem liberar o lotérico para que possa escolher, quais serviços ele deixará de oferecer, quando ficar demonstrado um prejuízo em sua realização. Atualmente o empresário lotérico é cerceado pela Circular Interna da Caixa, de adotar qualquer medida de gestão do seu negócio, o que tem gerado problemas cada vez maiores para o setor. A decisão aconteceu durante a reunião da FEBRALOT, nesta terça-feira, em Brasília, que contou com a presença de dezesseis Presidentes Sindicais. Além da decisão pelo início de uma atuação judicial, os presidentes também debateram outras atitudes de manifestação pela Rede, como por exemplo, fechamento de portas em horários pré-combinados, recusa de alguns serviços, paralisação total, mas ficou entendido por todos que, estas ações, não trariam efeito imediato, e ainda, poderia causar danos administrativos ao empresário. A ação judicial será iniciada, o mais breve possível, com pedido liminar de tutela antecipada. Também será estudada a implantação de ações judiciais que tratem da revisão dos valores das tarifas dos serviços da Rede. E ainda, outra, iniciada por cada Lotérico, para reposição de perdas retroativas. Ficou acertado outras ações a serem realizadas pela Rede, como por exemplo, panfletagem sobre os problemas da Rede; divulgação para a opinião pública, através da imprensa, ou, até, uma paralisação nacional de alguns produtos. Mas, de imediato, será iniciada a ação judicial, pois estas atuações citadas acima demandam maior planejamento e organização. ---- Outros temas foram abordados pelos presidentes sindicais, no Congresso Nacional, nesta terça, 10. A Febralot concluiu, com o Deputado Federal Antônio Goulart, a redação da sugestão para a emenda que será enviada ao relator do Marco Regulatório de Jogos, Deputado Federal Guilherme Mussi. O texto pretende garantir a inclusão das Lotéricas, em todos os jogos que vierem à ser autorizados pelo Congresso. O Deputado Goulart informou que estão sendo ajustados os detalhes sobre a solenidade em homenagem aos Lotéricos. Por isso, é importante aguardar novas informações do Deputados Goulart, ou dos Sindicatos, antes de realizarem as compras de passagens pois a data pode sofrer alteração. Ficou evidente para os participantes dos trabalhos neste dia, a união das lideranças sindicais em torno do problema da categoria tanto que a decisão da ação judicial foi unânime entre os presidentes presentes. Diretoria FEBRALOT Brasília, 10 de maio, de 2015


Ver todas as notícias...

Politica

Reunião com Chefe de Gabinete da Prefeitura de Salvador para discutir

Reunião realizada com o Chefe de Gabinete do Prefeito de Salvador, João Roma Neto, na ú...

News

Quina de São João 2018: segunda maior loteria especial do ano

Criada no ano de 2011, a Quina de São João é um concurso especial da Loteria realizado uma vez por ano, sempre no mês de Junho, em comemoração as f...